(Todos os direitos reservados ao abrigo do código de autor)

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Um abraço....



Um abraço
É tudo o que é necessário
Para nos fazer sentir
As emoções guardadas
Acumuladas
Aprisionadas dentro de nós
Essas que servem para nos defendermos
De situações e razões
Que sabemos não poder fugir
Não está ao nosso alcance
Poder agir
Provas de fogo
Quase impossíveis de ultrapassar
Provas de fogo que nos fortalecem
Para um futuro nos dar
Deixam o ser fragilizado
Sem infra-estrutura básica
Sem nenhuma segurança
A não ser a esperança
Como fazer para não sentir dor
Para não sofrer
Resta muitas vezes
Lavar a alma
Com lágrimas sentidas
Memórias perdidas
Reflectir e ganhar forças
Olhar para a frente, pensar
Apenas posso amar
Sentir dor e recordar
Viver o amor
Com amor
Não é uma despedida
É dar um abraço forte na sorte
Deixar a vida Fluir
O Universo é soberano