(Todos os direitos reservados ao abrigo do código de autor)

sábado, 23 de abril de 2011

Até os bichinhos gostam...




Até os bichinhos gostam
Quem não gosta?
Só temos que perceber
Que ao contrário dos bichinhos
Todos temos sentimentos
Partilhamos sofrimentos
Vivemos emoções
Não podemos lidar com as situações
Ignorando as paixões
Se não nos sentirmos especiais
Para o outro não formos o “demais”
De que nos serve ser sociais
Se só nos vamos sentir a mais
Por paixão
A única coisa pela qual
O ser humano muda a sua natureza
Nada tem a ver com sexo
Por paixão
A única coisa pela qual
O ser humano esquece a sua natureza
Nada tem a ver com sexo

É emoção sem razão
Sexo sem paixão
É uma contradição
Ao qual devemos dizer que não

Sem comentários:

Enviar um comentário