(Todos os direitos reservados ao abrigo do código de autor)

sexta-feira, 13 de maio de 2011

Os teus e os meus...




Esperavam ver-te primeiro
Como se dessem um tiro certeiro
Mas os teus enganaram os meus
Naquele momento verdadeiro
Tremeram quando ouviram a tua voz

E se lançaram com seu ar mais veloz
A procura dos teus encontrar
Depois tanto os desejar
Só não estava mesmo era a contar
Que antes de tudo começar
Os teus os pudessem ultrapassar
E boca beijar
Foram a tua defesa
Como se os tivesses a amar
Sem nenhuma ofensa
Os conseguiste desarmar

Sem comentários:

Enviar um comentário