(Todos os direitos reservados ao abrigo do código de autor)

sexta-feira, 23 de maio de 2014

Não há nada...

Foto: Não há nada
Como não fazer nada
Não pensar em nada
Nem deixar que nada
Nos afecte do nada

Não há nada
Nem ninguém
Que nos possa fazer sentir nada
Se nos sentirmos tudo
Em vez de nada
Porque ninguém é nada
A ponto de por nada
Fazer alguém se sentir nada

Se não pensar em nada
Se não disser nada
Só fica sem nada
Se não fizer nada
Para acreditar em si
E em mais nada

Quando dá importância a algo
Que não vale nada
Passa a sofrer
Pelo que nada vale
Passa a temer
Um nada que parece valer tudo
Mas no fundo não vale nada

Por isso seja o que quer ser
Seja tudo ou nada
Sinta-se por si mesmo
Uma pessoa amada
Só assim será tudo
Em vez de ser nada

Susana Bastos 
23 de Maio de 2014
(Todos os direitos reservados ao abrigo do código de autor)


Não há nada
Como não fazer nada
Não pensar em nada
Nem deixar que nada
Nos afecte do nada

Não há nada
Nem ninguém
Que nos possa fazer sentir nada
Se nos sentirmos tudo
Em vez de nada
Porque ninguém é nada
A ponto de por nada
Fazer alguém se sentir nada

Se não pensar em nada
Se não disser nada
Só fica sem nada
Se não fizer nada
Para acreditar em si
E em mais nada

Quando dá importância a algo
Que não vale nada
Passa a sofrer
Pelo que nada vale
Passa a temer
Um nada que parece valer tudo
Mas no fundo não vale nada

Por isso seja o que quer ser
Seja tudo ou nada
Sinta-se por si mesmo
Uma pessoa amada
Só assim será tudo
Em vez de ser nada

Susana Bastos
23 de Maio de 2014
(Todos os direitos reservados ao abrigo do código de autor)

Sem comentários:

Enviar um comentário