(Todos os direitos reservados ao abrigo do código de autor)

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Paixão...





Quando se está apaixonado
É realmente estar fascinado
Sentir algo enraizado
Tudo nos parece adequado
Estado de paixão é loucura

Agimos sempre com bravura 
Ganhamos outra abertura 
Que nos tira a nossa postura
Quem não sente paixão
Não percebe o turbilhão 
Que nos trás a emoção 
Dentro do nosso coração 
Paixão é o limite 
Funciona em nós como dinamite 
Paixão faz sofrer de tanto querer 
De desejar o prazer
Loucura pode trazer 
Quando nos consegue satisfazer 
Paixão tem os melhores momentos de tesão 
As melhores recordações da intenção 
O melhor som da euforia do coração 
Mexe com toda a nossa emoção
Quando se sente paixão 
Perdemos até a concentração 
Entramos quase em ebulição
Nem queremos saber se será uma ilusão
O pensamento voa 
Quando o coração magoa
A cabeça não perdoa 
A paixão continua à toa 
Quantas vezes perdemos o chão 
Sem saber qual foi a razão 
Sofremos sem encontrar explicação 
Mesmo assim insistimos nessa paixão
Faz parte no nosso crescer 
A paixão querer viver 
Na loucura permanecer 
Mesmo que isso nos faça arrepender



Sem comentários:

Enviar um comentário