(Todos os direitos reservados ao abrigo do código de autor)

domingo, 19 de abril de 2015

Fetiche...


Preso no teu fetiche
O amor resiste
Esqueço de esquecer
Que agora não te posso ter

Sonho acordado
Acordo com o corpo marcado
Pelos teus beijos sentidos
Na saudade dos teus gemidos

Adormeço abraçado
Ao que sinto por ti
Confortado por saber
Que sentes o mesmo por mim

Preso no teu fetiche
A saudade persiste
Nas memórias inesquecíveis
De momentos incríveis


18 de abril de 2015
In ”De Dentro Para Fora”
Susana Bastos
(Todos os direitos reservados ao abrigo do código de autor)

Sem comentários:

Enviar um comentário