(Todos os direitos reservados ao abrigo do código de autor)

sábado, 30 de agosto de 2014

Hoje quando acordei...


Foto: Hoje quando acordei
Tinha a janela entreaberta
Espreitei mas nada vi
Só sei que os teus passos senti

Hoje quando acordei
Percebi que contigo dormi
Tanto te desejei
Que ainda te sentia dentro de mim

Toda a noite fizemos amor
Toda a noite senti o teu calor
Acordei feliz
Tive o sonho que sempre quis

Tão real, tão verdadeiro 
Tão sentido e remexido
Estavas ali inteiro
Tu para mim e eu para ti

Há quem lhe chame premonitório
Se é ou não, não sei
Mas posso garantir
Que foi muito satisfatório

Toda a noite fizemos amor
Toda a noite senti o teu calor
Acordei feliz
Tive o sonho que sempre quis

Tão real, tão verdadeiro 
Tão sentido e remexido
Estavas ali inteiro
Tu para mim e eu para ti

Susana Bastos 
10 de Agosto de 2014
(Todos os direitos reservados ao abrigo do código de autor)

Hoje quando acordei
Tinha a janela entreaberta
Espreitei mas nada vi
Só sei que os teus passos senti

Hoje quando acordei
Percebi que contigo dormi
Tanto te desejei
Que ainda te sentia dentro de mim

Toda a noite fizemos amor
Toda a noite senti o teu calor
Acordei feliz
Tive o sonho que sempre quis

Tão real, tão verdadeiro 
Tão sentido e remexido
Estavas ali inteiro
Tu para mim e eu para ti

Há quem lhe chame premonitório
Se é ou não, não sei
Mas posso garantir
Que foi muito satisfatório

Toda a noite fizemos amor
Toda a noite senti o teu calor
Acordei feliz
Tive o sonho que sempre quis

Tão real, tão verdadeiro 
Tão sentido e remexido
Estavas ali inteiro
Tu para mim e eu para ti

Susana Bastos 
10 de Agosto de 2014
(Todos os direitos reservados ao abrigo do código de autor)

Sem comentários:

Enviar um comentário