(Todos os direitos reservados ao abrigo do código de autor)

sábado, 26 de outubro de 2013

Teu Jeito de Me Amar... HH


Foto: Noite fria, 
Aquela em que eu dizia, 
Que nada sentia, 
Porque não te conhecia.
Mas no aconchego dos teus braços, 
Encontrei companhia, 
E hoje eu já diria, 
Que não existe noite fria, 
Apenas eu não sabia, 
Que mesmo sem companhia, 
Dormes comigo todo o dia.
Mesmo quando ausente, 
Acarinhas o meu ego, 
Penetras na minha essência, 
Alimentando a minha carência, 
Estás presente a toda a hora, 
Em todo o lugar, 
Porque esse teu jeito de me amar, 
No meu mundo te faz reinar.


Por: Susana Bastos 
25 de Outubro de 2013


Noite quente em Leiria 
Aquela em que eu dizia 
Que nada sentia 
Porque não te conhecia

Mas nos teus braços 
Encontrei companhia
Aconchego e abraços
Para tudo que ali sentia

Hoje já diria
 Que não existe solidão à noite  
Mesmo sem me fazeres companhia 
Dormes comigo todo o dia

Quando estás ausente 
Acarinhas o meu ego 
Penetras na minha essência 
Alimentas a minha carência

Estás presente a toda a hora 
Em todo o lugar 
Porque esse teu jeito de me amar
No meu mundo te faz reinar



25 de Outubro de 2013

Sem comentários:

Enviar um comentário