(Todos os direitos reservados ao abrigo do código de autor)

domingo, 24 de março de 2013

Pai ...


Hoje não o posso abraçar
Nem consigo posso estar 
Mas vou sempre recordar
E continuar a amar
A saudade está no meu coração 
O Pai noutra dimensão 
Mas sabemos de antemão
Que tenho a sua bênção

Neste dia tão especial 
Com o Pai no mundo celestial
Digo-lhe obrigada pois foi sempre crucial 
Ter alguém na minha vida tão bestial
Cada um tem o seu tempo e a sua missão 
Sei que perdê-lo pareceu-nos uma agressão
Mas junto do Universo fiz a minha aceitação 
Hoje sou feliz e tenho o Pai no coração

Amo-o muito Pai
Para sempre…
Por: Susana Bastos


19 de Março de 2013

Sem comentários:

Enviar um comentário